Portal do Viola News
Pedro Henrique
Cantinho do Sorvete
Kabnha's
Hotel e Restaurante
Veterinária São Francisco
Tok e art
Laboratório S. Jose
Farmácia Bom Preço
Mercado Rio Bonito
Pedro Henrique
Farmácia Santa Inez
Mercado N.Sra aparecida
Posto Beltramim
Katia Biju's
Perereca
Fina flor
Diego Mistura Raimondi
Escritório Francisco Alves
CRISE

Professores ficam feridos em confronto com a polícia e sessão da ALEP é suspensa

No final da tarde, em assembleia, os professores decidiram que a greve está mantida

04/12/2019 10h43
Por: Mauricio Biriba
Fonte: Portal da Cidade Umuarama
100

Pelo menos dois professores, segundo o Sindicato dos Trabalhadores de Educação Pública do Paraná (APP-Sindicato) ficaram feridos em confronto com a Polícia Militar na tarde desta terça-feira (3), em Curitiba.

Os servidores são contra a reforma da previdência, que deveria ser discutida na sessão da Assembleia Legislativa desta tarde. Após o confronto, o expediente foi cancelado.

"Mesmo depois da ocupação pacífica e da sessão suspensa, dentro da Assembleia Legislativa, que não tem circulação de ar, policiais continuaram atacando servidores - o primeiro confronto ocorreu na parte externa - com gás e spray de pimenta", diz um comunicado do sindicato.

Ainda segundo a entidade, um professor teria sido preso, dois  hospitalizados e três atendidos pelas equipes de saúde com problemas nos olhos causados por spray de pimenta.

No final da tarde, em assembleia, os professores decidiram que a greve está mantida. A situação voltará a ser abordada em outra assembleia, nesta quarta (4).

A PM ainda não emitiu um parecer sobre o ocorrido no Centro Cívico.

  • Professores ficam feridos em confronto com a polícia e sessão da ALEP é suspensa
  • Professores ficam feridos em confronto com a polícia e sessão da ALEP é suspensa
Nenhumcomentário
500 caracteres restantes.
Seu nome
Cidade e estado
E-mail
Comentar
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas.
Mostrar mais comentários
Ele1 - Criar site de notícias